Dúvida "Pacote na rede IP"

Poste aqui suas dúvidas e sugestões sobre todas as tecnologias de redes e telefonia.
Poli
Membro Júnior
Membro Júnior
Mensagens: 14
Registrado em: 23 Mai 2007, 18:11

Dúvida "Pacote na rede IP"

Mensagem por Poli » 27 Mai 2007, 23:59

Olá,
Estou com uma dúvida.. ouvi comentarios de caminho mais curto quando esta se roteando de um pacote na rede IP...

Como assim caminhos mais curto? Como estes caminhos podem ser dados?!

Alguém pode tirar tal dúvida?! :roll:

ronaldobf
Moderador
Moderador
Mensagens: 328
Registrado em: 28 Jan 2006, 03:34
Localização: Araras/Campinas - SP

Mensagem por ronaldobf » 28 Mai 2007, 18:35

Então, vou ser bem genérico.

Imagine as rodovias de um país, onde você pode, com certeza, chegar num destino por diversos caminhos diferentes.
Po exemplo, você está em São Paulo-SP e quer chegar no Rio de Janeiro-RJ. Por qual caminho ir?
Eu, já fui pela rodovia Dutra e pela Rio-Santos. Se você quiser, poderá ir por qualquer outro caminho.

Agora, qual caminho é mais seguro?
Qual caminho é mais rápido?
Qual caminho exige menos parada?
Qual vou gastar menos?

Baseado em sua necessidade, você escolhe seu caminho. Agora, neste situação, imagine o pacote como seu carro.

Usando esta analogia, os roteadores são capazes de aprender rotas. Muitos casos, várias rotas diferentes. Cada protocolo de roteamento utiliza uma forma de trabalhar. Por exemplo, o RIP, é a menor quantidade de saltos, isto é, quando menos roteadores intermediários o pacote passar, melhor será a rota, independente se sua banda for totalmente inferior a um outro caminho. Então, ele escolherá esta rota e desprezará as outras até que alguma mudança na malha ocorra.
Diferentes protocolos se baseiam em variadas informações, como largura de banda, saltos, confiabilidade, etc... alguns, utilizam o conjunto dessas informações para decidir qual é a melhor rota.

A somatória dessas informações é traduzida num valor numérico. Este valor é conhecido como distância administrativa. Portanto, cada rota terá uma distância administrativa diferente. Qual for a menor distância administrativa, será a escolha do roteador para enviar um pacote.

Seguindo a analogia, se você estiver em São Paulo e você está preocupado com o tempo e com a sua segurança (imagine que seu carro pode quebrar), você escolherá a rodovia Dutra para ir ao Rio de Janeiro no menor tempo possível e na rodovia mais confiável.

Baseado no caso da rodovia Dutra, num roteador, podemos entender que o melhor caminho seria o que tiver a melhor banda (mais pistas e maior velocidade- menos congestionamento) e que seja confiável (menos buracos, menor probabilidade de quebrar o carro). No router, a confiabilidade é baseada nas vezes que o link ficou inativo e a largura de banda, baseada na velociade e quantidade de pistas da rodovia.

Se você quiser curtir a paisagem, passear, e também correr riscos controlados, como cair de uma ladeira, vá pela Rio-Santos. Ah! Vá devagar. hehehe... eu adoro esta pista.

Fui bem genérico, pois a idéia é entender como é dada a escolha de uma rota, isto é, a menor distância administrativa.

Em alguns casos, quando as distâncias administrativas são idênticas, com a utilização de mesmas tecnologias, etc, pode-se fazer o balanceamento de carga, isto é, utilizar mais de uma rota para enviar/receber pacotes ao mesmo tempo. Isso diminui a latência de sua comunicação.
Ronaldo A. Bueno Filho

Poli
Membro Júnior
Membro Júnior
Mensagens: 14
Registrado em: 23 Mai 2007, 18:11

Mensagem por Poli » 30 Mai 2007, 17:44

Nuss... rsrsrs


Agora entendiiii....


Obrigada amigO :D

ronaldobf
Moderador
Moderador
Mensagens: 328
Registrado em: 28 Jan 2006, 03:34
Localização: Araras/Campinas - SP

Mensagem por ronaldobf » 06 Jun 2007, 01:52

Só uma correção, que na forma teórica, se você conversar com alguém, fará a diferença.

Quando disse distância administrativa, estava querendo dizer métricas. Portanto, onde estiver escrito distância administrativa, entenda-se métrica.

Metrica é o conjunto de informações, dizendo qual o melhor caminho para percorrer.

Distância administrativa é quando se utiliza mais de um protocolo para duas diferentes rotas com a mesma origem e destino.
Por exemplo, o protocolo de roteamento RIP, conta quantos saltos ele deu, isto é, por quantos roteadores ele passou. Outro exemplo, o IGRP, utiliza bandwidth e delay, podendo utilizar outras. Os números resultantes da métrica, isto é, o conjunto acumulativo de caminho, resulta num número. Qual for o menor, ele será eleito.


Um exemplo de métrica do IGRP é o número 8336. Do RIP, 3. Neste caso, ele não teria um parâmetro real para escolher a melhor rota, pois protocolos diferentes utilizam métricas diferentes, com discrepâncias muito grande, como mostrado entre o IGRP e RIP. Para resolver isso, quando é utilizado mais de 1 protocolo de roteamento, é utilizado a distância administrativa para decidir qual é melhor.

Distâncias administrativas padrão:

Diretamente conectado: 0
Rota estática: 1
EIGRP internal: 90
IGRP: 100
OSPF: 110
RIP: 120
EIGRP: 170

Portanto, se um router estiver utilizando o RIP e IGRP para a mesma origem e destino, o que valerá na escolha, será a dist. administrativa. Portanto, por padrão, IGRP será utilizado.

Se você der o comando "show IP route", você verá que aparecerá um campo entre colchetes como [100/8345] em cada rota na tabela de roteamento. O primeiro é a distância administrativa e o segundo, a métrica.

Abraços
Ronaldo A. Bueno Filho

Responder